quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

Faltando com respeito



Sei que nem todos os maridos que leem o blog curtem ser humilhados e ficarem submissos à esposa ou ao amante. Por isso, o que irei escrever irá se aplicar tão somente aqueles que entendem esse prazer tão fora do comum.
Como qualquer relação, o comedor que se aproxima de um casal deve ter muito tato e feeling pra saber como se portar. Qual a medida certa pra agradar cada casal? Educação demais atrapalha? Vale a pena correr o risco de parecer mais abusado? Ficar muito na defensiva pode projetar uma falsa imagem de bom moço, o que apenas quebra o fetiche dos maridos mais submissos, ávidos por serem hostilizados.
Por outro lado, ser mais atuante e pró-ativo pode parecer sim, um abuso fora de propósito e além dos limites estabelecidos. Isso poderia queimar em definitivo a boa imagem de um candidato. Graças a Deus, eu não sou comedor. Porque realmente, não é fácil definir esses limites. Apesar de sabermos que o lucro é muito alto pra quem se aventura e tem sorte ou capacidade de viver experiências. 
Seja como for, devo confessar aos caros leitores, que fico especialmente excitado quando me defronto com um comedor abusado e desrespeitoso. Se pra boa parte dos casais, a hora do “desrespeito” se restringe ao momento do ato sexual propriamente dito... pra mim, esse momento se estende um pouco mais.
Acho o máximo quando o comedor me subjuga, mostra claramente que ele jamais seria corno manso como eu, e que gosta demais de comer a minha esposa, mesmo quando ainda estamos numa praia ou mesa de um bar. Adoro saber que ele não libera a mulher dele e que acha sim, que sou um trouxa em liberar a minha esposa. Sou louco? Talvez. 
Fato é que gosto de homem abusado mesmo... aquele que se deixar... toma a minha mulher pra virar a putinha dele e me deixa chupando dedo. Gosto de homem que passa a mão e pega na perna e no cabelo dela e que não procura amenizar a situação com uma política de boa convivência  e educação entre comedor e marido. Quem sabe, talvez eu goste de sentir raiva e indignação de um comedor visivelmente superior? Já ouvi essa teoria masoquista, que me parece até fazer algum sentido.
Por outro lado, reconheço que no primeiro encontro, é prudente que não haja investidas, já que o casal ainda não se decidiu se vai ou não abrir margem pro candidato. Mas, a partir do segundo encontro, fico incomodado com homens muito gentis, educados, e sem atitude.
Talvez, seja justamente esse um ponto nevrálgico no processo democrático de seleção dos amantes. Minha esposa tem a tendência de simpatizar com homens “educadinhos”, “simpáticos” e “bons moços”.
Eu, por minha vez, gosto de sentir um pouco de “raiva” daquele cara antipático, “filho da puta”, safado, que me humilha, e que vai comer muito a minha esposa e me deixar pra escanteio. O tal “aproveitador, cafajeste, e calhorda”.
Enfim, no meu entender, o sexo feito sem um componente de conquista, dominação, humilhação, vantagem e até um contexto de melhor proveito de outro homem em cima de sua fêmea... vira puro ato mecânico e sem sentido de ser.
Li uma vez em algum lugar um trecho que me excitou demais: “mulher de corno não se respeita”. Sim... sei que muitos dos leitores devem criticar essa minha excitação. Mas, lendo esse trecho, veio imediatamente a minha cabeça a imagem da minha esposa numa boate comum, sendo assediada na porta do banheiro... sem que haja qualquer respeito por mim. É disso que eu gosto. Selva!
Também sei que essa minha preferência pelo assédio deve indignar às feministas de plantão. Mas, meninas, convenhamos: vocês respeitam um homem que te respeita demais? Na posição de um marido submisso e corno falo com carteirinha: bem sei o que vocês fazem com namorado que coloca vocês num pedestal. Sei disso porque adoro o que vocês fazem.
Isso só prova a minha teoria que mulher gosta de homem cafajeste pra transar e homem educado e respeitador pra casar. Cabe ao homem escolher a função que quer ter na vida da mulher. Eu escolhi casar em vez de transar.
Vejam que não estou aqui fazendo apologia à violência contra a mulher, e nem à chatice de ficar insistindo quando a resposta é clara: “Não”. “Não é não”, e as feministas têm razão. O comedor deve saber o momento de recolher as garras e cair fora. Até pro marido corno, um comedor sem noção é algo realmente muito chato.
Mas, precisamos de um comedor pró ativo, galante, sedutor e abusado sim, por que não? Que assedie e aceite numa boa quando for rejeitado. Que arrisque e invista, mesmo quando o resultado possa ser um clamoroso fora.O limite entre o que se deseja de um homem e o que não se deseja, vem da insistência fora de propósito, mesmo diante de um  "não".
Nossas mulheres precisam sim, ser assediadas dentro dos limites da boa convivência entre os sexos. Faz bem à auto estima perceber que despertam desejo em outros homens. Afinal, não é pra isso que elas tanto se arrumam? Acho que se todos os homens fossem tímidos e retraídos, como eu, as mulheres teriam que aderir ao lesbianismo, não é mesmo? Ou começarem a virar caçadoras.
Curiosamente, quem é do meio liberal sabe que as boates Swing, destinadas exclusivamente aos casais liberais, são lugares onde todos se respeitam demais. Ninguém vai mexer no cabelo da sua esposa, sem o seu consentimento. Tudo é muito polido e bem regrado. Não existem riscos de brigas, ou desentendimentos. Nem da sua esposa ser assediada.
Pois bem, um homem como eu, que curte o desrespeito da selva, não deveria ir em boate Swing. Talvez, eu devesse levar minha esposa e deixá-la transitando pela porta do banheiro feminino de uma boate comum. Pra que justamente, os gaviões mostrassem o quão corno impotente eu posso ser. Mesmo que dali não saísse nada, só de perceber o ataque dos gaviões à minha fêmea já me faria ficar muito excitado. Sim, eu confesso!
Lembro que há muitos anos atrás, eu vinha de uma festa em pleno carnaval, conduzindo minha ex (na época noiva) pela mão, quando tivemos que cruzar um bloco carnavalesco repleto de rapazes famintos por mulher.
Nem preciso dizer que passaram muito a mão na minha noiva e eu fiquei com cara de trouxa. Nada pude fazer pra evitar. Não iria brigar com vinte pessoas, ainda mais quando nem sabia ao certo quem daqueles foram os caras que realmente passaram a mão nela. A princípio, lembro que ela ficou irada comigo, pela passividade de permitir que outros homens tirassem tanto proveito da situação sem nenhuma reação.
Acho que ela esperava ao menos um indignação, uma postura de macho firme... que brigasse, retrucasse, e tentasse impedir o que estava acontecendo. Acho que ela esperava ter o orgulho de se sentir protegida em vez de ter um noivo banana que nada fazia.
Mas, com o passar do tempo, e a partir do momento em que ela descobriu o fetiche e aderiu, essa lembrança acabou sendo muito usada pra motivar e instigar nossas transas. E como eu adorar ouvir: “Eles abusaram muito de mim, seu corno! E você, babaca não fazia nada.” Eu gozava na hora... ela falava isso enfiando o dedinho no meu cuzinho... e eu delirava.
Vinha a minha imagem, um bando de cafajeste passando bem a mão na xota da minha noiva e me deixando impotente, sem nada a fazer se não, aceitar... ela sabia que eu adorei ter vivido aquilo... e aos poucos, ela mesma foi passando a gostar da recordação. O que era um trauma, foi virando tara. Moral da história: bom mesmo é não ter moral.
Pessoal, mesmo aos que não curtirem essa minha confissão, deixo aqui as minhas desculpas por demorar tanto a atualizar o blog. Espero que tenha valido a pena a espera.
Por fim, deixo aqui o email pra contato, que tantos pedem e tenho que ficar escrevendo um a um: 

Beijos a todos.
 




97 comentários:

  1. Bem vindos de volta!!!!
    Quanto ao texto: abusadinho é legal. Folgado é o fim. O limite é sutil, mas faz toda a diferença.
    Uma vez, na praia, a três, o single se dispôs a passar o bronzeador. Fez do jeito certinho, sem se roçar onde não devia, mas se demorando um tantinho a mais. Se aproximando um pouco mais que o necessário.
    No final, vira para o Paulo e disse “está maluquinha. Doida pra dar!”
    E sorriu.
    Foi o tempo certo para querer ir para um lugar mais reservado.

    Se ele tivesse tocado, teria sido repelido.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Perfeita a colocação, Ana Maria. Sem trocadilho. rs De fato, esse feeling de saber se insinuar, sem passar do limite, é o que torna o homem sedutor ou chato. Tanto é que, você mesma admite que um pouco mais que isso, ele teria sido repelido. É exatamente o que penso.

      Excluir
    2. Teve um cara com quem saímos algumas vezes. Meu trabalho e o dele eram próximos. Chegamos a almoçar juntos, eu e ele. Um dia, ele passou a falar de Ana Maria como se não fosse minha mulher: de quanto ficava úmida, o jeito que gozava, até as peculiaridades da xoxota!
      Cara folgado!
      Mas ganhou muitos pontos.

      Excluir
    3. Que delícia, Paulo. Dá um misto de raiva, revolta e... tesão. Você deve ter ficado inquieto tendo de ouvir tudo aquilo, com o pau duro por debaixo da mesa. rsrs

      Excluir
    4. Meu marido adora comedor mandão e folgado, já eu gosto dos romanticos ao dominador��

      Excluir
  2. Sensacional!!!
    Um dos melhores posts q vc escreveu!
    Parabéns!
    Pra mim tbm, quanto mais escroto, badboy , forte, bombado e cafajeste for o comedor, mais eu me excito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado. Tentei caprichar pra compensar a minha ausência por aqui. rs

      Excluir
  3. Sou de Curitiba. Para casais. Somente encontros reais. Não faço acepção de pessoas: casal maduro, jovem, cor ou bissexual, etc. Marcos 41 987732396

    ResponderExcluir
  4. Tá certo!! rs
    Mas procure postar com uma frequencia maior, seus textos sao ótimos,o ainda mais quando vc enaltece os machos comedores e deixa bem claro o seu lado submisso,rss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado. Estou buscando conseguir mais fluidez e frequência no blog. Sei que não é fácil devido a vida corrida, mas... vamos que vamos.

      Excluir
  5. Bem, eu já fui corno de vários tipos de macho, mas o tipo que mais me deixou com tesão foi o dominador, aquele que quando está entre quatro paredes assume o comando de tudo e com vigor dá prazer pra esposa e domina o marido corno.
    Gosto tanto que ao perceber que um colega tinha esse perfil, me aproximei mais dele e acabei por apresentar minha esposa pra ele e logo nos acertamos. Foi uma delícia ser totalmente dominado por ele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Delícia. Foi o que quase aconteceu comigo com um amigo de trabalho (história contada em postagem anterior). Percebi que ele fazia o meu tipo de comedor e acho que ele acabou percebendo que eu fazia o tipo de marido frouxo que ele gosta. Só não foi adiante porque minha esposa não curtiu ele. Mas, que delícia saber que com vocês deu certo. É especialmente saboroso quando acontece com alguém de fora do meio, como um colega de trabalho. Parabéns.

      Excluir
  6. Que bom que vocês voltaram a postar.
    Somos um casal cuckold&hotwife e fã do blog. Parabéns.
    Embora cuckold e ela hot exibicionista ninfa, na hora da abordagem ela prefere um macho alfa elegante sedutor educado além é claro que tenha boa pegada.
    Se for bi/Flex e liberal e o melhor dos mundos.
    Bjs e parabéns.
    Márcio e Marta.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito agradecido, Márcio e Marta. Sejam muito bem vindos aqui no blog.

      Excluir
    2. Concordo com o casal. É preciso ser firme, com pegada, elegante, sedutor e educado. Penso que, a três, é preciso ter cumplicidade e algum limite. Tudo cabe na hora certa e desde que todos estejam de acordo. A ideia é dar prazer para todos os envolvidos. É assim que entendo e ajo. kpitigrili@bol.com. br

      Excluir
    3. Sou mauro de sp abc. 44 anos e adoraria conhecer casais. Tenho experiência e uma bela rola de 20 cm bem gostosa pra o casal se realizar. Meu whats 943655204

      Excluir
  7. Adorei a volta do casal. Parabens pelo post, muito bem escrito.
    Contei num post chamado "Exposto no Trabalho" ou algo assim, como minha jovem esposinha me traiu com um vereador baiano, com meu consentimento. E desde que passei num concurso para o Rio, voltamos a nossa vida de casal normal, mas sem esquecer jamais daqueles momentos. Procuramos casas de swing, mas vimos que nao era a nossa. Ela simplesmente nao se atraia por nenhum dos homens, nem eu pelas mulheres. Simplesmente recusava o assedio, as cantadas e aproximaçoes. Eu ate ficava na duvida: Sera que ela virou "linda, recatada e do lar"?
    Mas ate eu mesmo nao gostava dos caras que dela se aproximavam. Faltava alguma coisa. Mas o que seria? O aproach talvez? Gentis demais? Ousados demais? Bonitos demais?
    Isso nos fez parar de procurar. Tocamos nossa vida tradicional, eu trabalhando, ela voltando a estudar e passando na OAB. Mesmo nao precisando, voltou a trabalhar como estagiaria no escritorio de direito indicado pelo pai de um amigo.
    Passaram-se dois meses, e numa noite,ela chegou tarde, com aquela com aquela cara de cachorro que mijou no tapete. Apertei-a para que me contasse, e ela sem jeito confessou. Na happy hour, fora assediada pelo dono do escritorio, com idade para ser seu pai, um sujeito barrigudo, escroto tanto de aparencia quanto de atitude. E, entre drinks e promessas, ela cedeu. Fora para o carro do filho da puta, e chegava em casa aquela hora, sem calcinha,suja de semen,descabelada e completamente usada pelo safado.
    É dificil descrever o que senti. Fui transportado para o passado, onde vivemos exatamente a mesma coisa. A adrenalina acelerou meu coracao.A vontade de bater nela vinha e voltava, meu rosto queimava de humilhacao.. e meu penis estava tao duro que doia.Naquela noite me masturbei lambendo sua xaninha cheia da porra do macho.
    E descobri o que ambos queremos de um comedor. Eu, um homem mais poderoso financeiramente, que de alguma forma exerça seu poder sobre nos. Um cara que me conheça, que se encontre socialmente conosco sem saber que eu sei e permito. Que me tenha por um corno manso nao sabido, cuja mulher ele come em segredo.
    Ela,um amante feio,mais velho, bem canalha, mas que lhe de vantagens, presentes caros,e que se vanglorie para os amigos de a estar comendo.
    Em suma, acho que nenhum cuckold é inteiramente igual ao outro.As nuances variam muito, mas todos endeusamos nossas mulheres e as queremos satisfeitas por um comedor que a encha do prazer que nao podemos dar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como assim, suja de semen?
      Transou sem camisinha logo na primeira transa?

      Excluir
    2. Ela estava alta e nao esperava transar naquela noite, no maximo uns amassos. Mas o safado se aproveitou dela e a comeu ali mesmo, no banco de tras do automovel. E ainda a trouxe em casa, parando na porta de meu predio. Fiquei tao excitado com isso que ate esqueci desse detalhe. Mas combinamos que , daqui para frente, ela levara sempre uma caixa de camisinhas na bolsa para "emergencias"

      Excluir
    3. Uau!!
      Sonho de consumo essa sua história. Incrível como realmente essa situação que você expôs é excitante. Acho que com a gente funcionaria perfeitamente bem algo assim. Não tenho dúvidas de que seria uma vivência das mais excitantes possíveis dentro das opções que temos.
      Meus sinceros parabéns ao casal. Peça a ela que jamais conte que você sabe... pra que toda a eletricidade da situação jamais acabe.

      Excluir
    4. Obrigado casal! Nos estamos adorando essa experiencia. Terca feira minha esposa embarcou com ele para Sao Paulo,para uma audiencia, e voltam amanha.Ela me telefona sempre, me descrevendo o que fazem a noite, na suite que ele reservou para dormirem. Eu mesmo levei-a ao Santos Dumont e fui apresentado por ela ao safado, que me tratou muito bem, conversou comigo e prometeu "cuidar bem" de minha esposinha.
      Estou me acabando de ciumes e tesao por aqui. Mal vejo a hora dela chegar. Eu vou busca-la no aeroporto e passar por corno na frente do comedor..

      Excluir
  8. Concordo que não há padrão, cada CORNO curte de um jeito, porém a maioria curte a pegada de submissão relativa, um cara mandão que curta colocar o manso em seu devido lugar é um tesão.
    Algum comedor da Bahia? kzalfogo@bol.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, Rapha. Mas, existem também os que não curtem submissão. Em meu livro os denominei "Cuckold não polarizados" e faço especial referência a eles.

      Excluir
    2. Cadê o livro??????

      Sou corno manso frustrado. Minha esposa não quis realizar e acabamos nos separando.
      Mas isso faz parte da minha natureza. Talvez encontre outra que queira realizar.
      Para os frustrados como eu, para os que já são, para os comedores, para as esposas que realizam essa tão maravilhosa fantasia, POR FAVOR LANCE O LIVRO!

      Excluir
    3. Peço desculpas. Vou me esforçar o máximo pra lançar o livro ainda esse ano. Na verdade, ele já esta escrito. O que falta é uma boa revisão. Talvez eu lance ele como está... e fique aberto a sugestões e correções propostas por vocês.

      Excluir
  9. somos iniciantes e eu ainda estou me acostumando com a ideia da minha esposa de transar com outro cara, mas topei. Não participamos de nenhuma transa lógico,fico com ciumes. Mas fomos em forró e fiquei olhando minha esposa dançar com um cara ...foi show o cara era abusado e ficava com a mão na bunda dela alisando e apertando....foi foda ver isso, mas fiquei co um tesão danado...fomas pra casa e transamos muito com ela dizendo que queria transar com esse cara e que ele tinha um volume grande nas calças. deu tasão...,as não estou preparado para ver minha esposa com outro....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. agora consegui entrar com meu perfil...esse texto somos nós.
      fred e vilma eu tenho 45 anos minha esposa tem 35, ela tem esse desejo de transar com outro cara, mais ainda não estou preparado para isso ...mesmo achando isso um tesão.

      Excluir
    2. Sou da região de Osasco Carapicuíba Barueri só chamar no zap pra agnete troca uma ideia pode ser 953405596

      Excluir
    3. Olá, Fred. Meu conselho é não faça nada se não se sente preparado. A consequência pode ser muito pior pra vocês dois. Procure ler mais sobre o tema, ver vídeos no xvídeos (procure por "corno" no campo de pesquisa do site)... imagine sua mulher no lugar daquelas lindas hotwifes que transam com outros homens. Experimente chegar o mais proximo da situação sem necessariamente experimentá-la. Só tome realmente iniciativa se estiver pronto. Você pode inclusive, vê-la dançando forró costumeiramente, como forma de excitação, sem a consequência do sexo. Quem sabe, um dia mais pra frente, você se acostume com a situação e resolva vivê-la de forma mais intensa?

      Excluir
  10. Me identifico muito com seu texto,principalmente quando assisto,gosto de ser humilhado pela esposa e pelo macho,e nem todos nos sabem rebaixar e mostrar o devido lugar,já minha esposa mesmo em locais públicos mostra sempre quem manda na relação e isso me excita demais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De fato, ser submisso a esposa é muito excitante também. Aqui em casa, isso nem se discute mais. É ela quem manda.

      Excluir
  11. Para quando um video no canal,sobre suas tarefas domésticas e submissão pública perante a esposa?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá. Isso já seria mais difícil pois eu precisaria participar dos vídeos. Confesso que evito por conta da discrição. Tenho família, e amigos de empresa, filhos... conhecidos, chefe... enfim... apesar de saber que minha opção sexual é só minha, no fundo, vivemos num mundo muito preconceituoso. E sei que devastaria muito a minha vida e a de meus filhos, ser descoberto. Por isso evito aparecer no canal.

      Excluir
    2. Não precisa aparecer no vídeo,pode ser mesmo ela a explicar,quanto à descrição,eu sei que é impirtante,Também temos uma filha,mas por muito que sejamos discretos,alguem fica sempre sabendo,e embora não tenhamos noção disso,a nossa fama de corno manso vai aumentando dia a dia. Abraço!

      Excluir
    3. Ok. Vou considerar ela falar um pouco sobre isso, apesar de no dia a dia, evitarmos dar na pinta que somos Cuckold e Hotwife. Mas, sei que é verdade que sempre alguém acaba sabendo.

      Excluir
  12. Que bom que voltaram, ainda não ,li o texto, lerei com calma, mas só de saber que estão de volta é motivo de alegria!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado, ksar paiva. Vamos tentar abastecer aqui com mais frequencia.

      Excluir
    2. Eu que agradeço , aqui me sinto me casa!

      Excluir
  13. Já aconteceu de vcs saírem com um um comedor desse tipo q vc citou no texto, bastante desrespeitoso e abusado q te humilhou na mesa do bar ou na praia? Como que foi? Conte pra gente .

    Seria muito bom se vc participasse do canal do youtube tbm, junto com a sua esposa, sem mostrar o rosto e com o desfoque da voz igual ela.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim. Já aconteceu algumas vezes sim. Aos poucos vou contanto as histórias. Vou refletir sobre aparecer no canal. É preciso coragem pra arcar com os riscos.

      Excluir
  14. Concordo com tudo que disse!realmente o folgado, cafajeste é o que mais exita por chegar, como diz gíria "chegar chegando"Já tivemos experiência ótima com assim no fim do ano passado, ele percebeu minha submissão foi logo tomando conta, assim que entramos no motel , ele já foi me humilhando me chamando de corno , que meu lugar era ali assistindo e o servindo, minha esposa por sua vez ria de tudo demonstrava prazer em ver seu macho dar esporro no seu marido!Mas cada vez que ele me destratava mais exitado eu ficava , ele percebia que meu pau latejava cada vez que subjugava,não tinha como disfarçar, por fim minha esposa entrou na onda dele e começou também a me "ofender"!Claro depois de tudo de toda adrenalina, tudo voltou ao normal pois entre quatro paredes o que vale é fetiche!Fora dali somos bons amigos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também já passei por isso em motel e mesmo em casa e é como vc diz,é na hora do sexo,fora disso volta à normalidade.

      Excluir
    2. Exatamente! Tudo tem o seu momento.

      Excluir
  15. PROCURO CASAL OU MULHER SEM HOMO Sou discreto, sigiloso e seguro.tenho 49 anos .branco. boa aparencia .1.87 alt corpo normal com dote grande bem grosso .moro em sao paulo znorte . Não sou pegajoso nem procuro envolvimentos, quero apenas prazer e um relacionamentos legal de amizade e cumplicidade. Adoraria conhecer vocês e desfrutar de momentos prazerosos com vocês. Zapp. 11. 997737906. Antonio Carlos. Email homemmenage arroba bol.com.br. skape ninho1211. Abs a vcs

    ResponderExcluir
  16. parabens pelo blog. aprecio bastante seus posicionamentos. gostaria de fazer uma provocação (e quem sabe, gerar um debate saudável): existe uma relação de submissão do corno em relação ao macho fora das 4 paredes? no sentido de ser servil? explico melhor, se um macho (dominador e cafajeste no sentido que utilizou no texto) "precisar" de um motorista em um momento pontual, o corno teria que servi-lo? abs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá. Bem,essa situação que você sugeriu estaria mais adequada para B.D.S.M. Claro que o fetiche Cuckold pega um pouco de outros fetiches. E vice-versa. Há uma clara troca de influências entre fetiches diferentes. Mas, a tendência do marido Cuckold é associar a humilhação ao ato sexual e ao momento em que isso ocorre. Fora do ato sexual, já se têm uma maior porcentagem de B.D.S.M. e menor de Cuckol. Se é que consegui me explicar. No nosso caso em particular, assim como no ksar paiva, também não temos essa inclinação. O que não impede que outro casal curta o B.D.S.M. tanto ou mais que o Cuckold. Cada casal é diferente do outro.

      Excluir
  17. Vou dar minha opinião: No nosso caso a coisa se restringe entre quatro paredes, ou então entre só nos três, como uma brincadeira!Os exemplos que vc deu podem acontecer, mas isso só entre nós , ser motorista por exemplo , eu já fui dentro do carro sim fui submisso estava só nos três!mas fora disso somos amigos normais a respeito!

    ResponderExcluir
  18. Muito bom
    Adorei ler seu depoimento de corno submisso
    Escreva mais, ficou muito bom mesmo
    Cadê a sua mulher que não posta mais no YouTube
    Os comedores precisam escuta as histórias dessa putinha safada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado mesmo.
      Em breve ela vai postar mais.

      Excluir
    2. Oii TD bem postaram hj né
      Sua mulher e muito sexy quem vontade de comer ela e da uns tapas nelas
      Fico com muito tesão na Sra cuck

      Excluir
  19. Olá Sr.Cuck, me chamo Gabriel, de anjo apenas o nome mesmo e espero que me responda e comente algumas dicas e comentários uma parte aqui e outra poderia deixar para o canal. E um elogio a essa fêmea putinha que vc chama esposa rsrs ela é mt gostosa.

    Vejo q a Sra.Cuck é bem lisinha na depilação, ela prefere assim? Vc q pede? Ou os machos q preferem? Um bom assunto, faça uma enquete sobre o estilo que os machos preferem, deixo essa dica. Particularmente gosto de variar até no estilo da pornstar Dani Daniels que é "hairy", porém só acima do "grelo", abaixo é lisinho o q não empede dos machos se deliciarem.

    Os símbolos são essenciais para reconhecer uma esposa puta, deixe a Sra.Cuck fazer a tatoo, não tenham medo, façam e concerteza não se arrependerão. Quanto a parte dos machos eles existem? Se sim, ótimo vamos ajudar a divulgar quero me tornar um macho. Divulguem os símbolos, algumas jóias e pulseiras de macho para as esposas reconhecerem nós nas ruas rsrs isso é ótimo, diga quais são deduzo que o búfalo seje um.

    Sr.Cuck tenho certeza que morre de vontade de sua putinha receber um belo "creampie" estou certo? Se estiver, me diga o lado pessoal como gostaria etc. Deduzo que tenha o desejo de lamber a porra de um macho na Sra.Cuck haha, prefere que saia sozinha e chegue em casa com tal "surpresinha" com o gosto da pica do macho? Rsrs peço que comente.

    A última parte é mais séria, dando sequência ao creampie visto q toda esposa puta irá fazer de um jeito ou de outro kkkk, e todas viciam haha. O risco de uma gravidez sempre existe, diga como reageria se sua putinha engravidasse de outro, o q sentiria medo, raiva, felicidade? Assumiria e cuidaria do bebê? Se fosse filho de um macho negro, assumiria e mostraria pra sociedade que é corninho? SOU COMPLETAMENTE A FAVOR DO CORNO ASSUMIR.
    Outra parte os machos "reprodutores" aqueles que possuem " grandes dotes"genética privilegiada digna de ser passada pra muitas fêmeas, qual sua opinião sobre isso? Algum casal seje pelo marido estéril ou por ser corninho mesmo rsrs que contratam ou chamam para inseminar as esposas putas, vcs conhecem algum? Ajudariam a incentivar os blogs, pages etc?
    Ou acham abominável? APOIO AS ESPOSAS A DECIDIREM POSSUIR OS MELHORES MACHOS, ATÉ PARA ENGRAVIDAR, esta a minha opinião rsrs. Qual a sua e da sra cuck?
    Abraço,e um beijo na bctinha da sra cuck haha
    Aguardo as respostas...
    E Darei mais dicas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Gabriel.
      Agradeço os elogios.
      A depilação é ela mesma que faz questão. Ela se preocupa demais em deixar uma boa impressão pro comedor. Aliás, ela se preocupa mais em agradar ele do que a mim. O "hairy" ela nunca fez comigo. Disse que já fez com um ex, que insistiu muito. Mas ela não gosta.
      Os símbolos do comedor podem ser "pitbull", "gameta masculino" " a letra alfa". Não recomendamos o búfalo porque ele tem chifres.
      Ela já recebeu gozada na cara de comedor. Em geral eu limpo com papel higiênico. Mas, eu adoro assistir o cara gozando nela assim. Já o creampie, eu fantasio. Mas, só rolaria se fosse com alguém de muita confiança. Isso não rolou ainda.
      Se acontecesse uma gravidez, meu voto seria pelo aborto. Não temos essa liberdade social toda. E também não tenho condições financeiras pra manter mais um filho (mesmo que fosse meu).
      Mas, claro que respeitamos quem assume. Nós é que somos da opinião que não se deve misturar filho com fantasia. Não temos nada contra quem opta pela reprodução fora do casamento. Não conhecemos um casal assim.
      Um grande abraço.

      Excluir
    2. Olá CORNOS, PUTAS CHIFRADEIRAS E COMEDORES DE PLANTÃO,

      Visitem também este blog:

      https://koisasdekorno.blogspot.com.br

      Bons chifres a todos

      Excluir
  20. Olá! Tenho 24 anos e nunca fiz nada fora do convencional. Estou solteira, embora esteja conversando em reatar com o meu ex.

    No entanto, eu conheci um homem cuckold, ele é inteligente, gentil, educado. Conversei com ele no bate-papo. No primeiro instante, eu me assustei, mas de boa... Cada um faz o que quer da sua vida.

    Passamos para o whatsapp, ele me estimulou e eu acabei entrando na brincadeira a distância mesmo, por telefone. Xingava e humilhava.

    Ele vem na minha cidade e quer casar comigo, e ainda me falou que gostaria de me apresentar ao amigo dele que também é cuckold e aí, poderia ter 2 maridos cuckold e procurasse um namorado.

    Eu nem sei mais o que fazer da minha vida, parece drama de novela mexicana.

    Me ajude. Kkkk. O que acha disso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho toda experiencia valida!Estamos nesse mundo para provar de tudo!Se vc não gostar simplesmente não faça mais!Minha esposa ate hoje se arrepende de não ter me ouvido antes , perdeu 3 anos da sua vida com medo , hoje não quer outra coisa!

      Excluir
    2. Olá, cara anônima.
      É uma honra especial ter o público feminino frequentando nosso blog. Bem, o que passa com você nesse momento é exatamente o que se passa com a maioria das mulheres quando tomam ciência desse fetiche pela primeira vez. É comum ficar chocada, depois criar medos, receios, dúvidas...
      A dica é: não se apresse em tomar nenhuma decisão. Nem de praticar a experiência, nem de se casar e muito menos de recusar experimentar algo que pode sim, ser muito prazeroso no futuro.
      Vá levando "em banho maria", pisando devagarinho... se permitindo aos poucos ir se conhecendo e conhecendo seus limites. O julgamento precipitado, seja qual for, é o único erro que você pode cometer.
      Converse muito com ele, sem pressa de nada. Se ele te amar mesmo, vai saber te esperar sem pressionar por nada. E, analise suas opções com calma. Veja de o fetiche é algo que você queira realmente viver como estilo de vida. Se aos poucos você for achando que o estilo de vida não é o seu, fique a vontade pra abertamente explicar isso pra ele. De outra forma, fique igualmente a vontade pra aos poucos ir se permitindo um pouco mais a cada dia.
      Não seja radical nem pro sim e nem pro não. A ponderação e a calma são os caminhos mais sólidos e que geram menos arrependimento futuro.

      Excluir
  21. Faça um post contando pra gente algumas histórias bem excitantes que aconteceram com vcs onde o comedor era bem abusado e FDP , como vc citou no texto. As humilhações, os momentos em que ele te desrespeitou na praia, na mesa do bar, etc.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aos poucos a coisa tá indo. Vai ter postagem assim no futuro.

      Excluir
  22. Lavar o carro do comedor,comprar cerveja e cigarros,já fiz tudo isso para o comedor da minha esposa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E chupa o pau dela pra mete na buceta da esposa

      Excluir
    2. E chupa o pau dela pra mete na buceta da esposa

      Excluir
    3. Já chupei sim,mas nem sempre isso acontece,depende do comedor,nem todos querem isso.

      Excluir
    4. Chupo também , Já fiz algumas vezes, não nego que é gostoso!

      Excluir
  23. Passa o zap pra gente bate um papo e troca umas foto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nao uso zap,Skype- Filipejetts@hotmail.com

      Excluir
  24. Nossa é um Texto e tanto...Queria ser conhecer ou ser comedor/amigo de uma casal ou mulher assim...para o corninho apenas apreciar e saciar as vontades dela...Gostei do blog Parabens!!!.

    ResponderExcluir
  25. https://www.xvideos.com/video30343297/carlos_capixaba_e_casal_guarapari-es

    Moreno Sigiloso e discreto desejo conhecer casais para encontros casuais e uma boa amizade. Sou de Vila Velha-ES.

    Whatsap (27) 99638-7857
    E-mail amigovirtuales2008@hotmail.com
    Skype carloseduardoes

    Posso receber casal tenho local. Posso viajar para o interior do ES.

    ResponderExcluir
  26. Adoro namorar a esposa na frente do marido. Com muita sedução e preliminares estou procura de casal para relacionamento a três, sou educado, atencioso, homem maduro 49 Anos.cor branca 1.87 alt. Sem barba e sem bigode. corpo em forma, dote grande bem grosso saudável e super higiênico, valorizo uma boa conversa visando sempre a sensualidade e nunca a vulgaridade, Sou solteiro, disponível e aberto a novas amizades, portanto se casal pretende ter um amigo para participar de suas fantasias, sejam muito bem vindos
    tenho disponibilidade. Sou contra qualquer interesses financeiros. Emocionais ou drogas .Whatsapp 11 997737906 Antonio Carlos

    ResponderExcluir
  27. Oi boa tarde!

    Gosto muito mesmo das suas postagens...o blog de vocês é excitante e de bom gosto. Ele me ajuda muito inspirando meu relacionamento.
    Só lamento que as postagens sejam muito raras quase que mensais!
    Vocês podiam fazer uma forcinha a + pelos casais fãs do blog:) :)
    Sei que sempre querem escrever algo mais elaborado e diferente...mas nos contentamos em ouvir e aprender com os 10 anos de relacionamento liberal de vocês :D Então vamos lá, vamos fazer juntos essas postagens semanais ...vcs tem muitos história gostosa pra contar .. Muitas mesmo... Uma vez por semana uma lembrança de alguma aventura... Sem medo de o tecto parecer longo... Amamos os detalhes! Parabéns pelo trabalho e por ajudar meu casamento a ser cada vez melhor!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá.
      Fico realmente lisonjeado por ler o seu comentário.
      Estou me esforçando pra voltar a ter tempo pro blog. Quem sabe aumentar um pouco a frequencia das postagens. Mas, a vida é corrida demais e nem sempre vou conseguir. Mas, agradeço muito.

      Excluir
  28. Compartilho da mesma ideia, amigo!
    Tem muito comedor metido a "Romeu" pra mim isso tira todo e qualquer tesão da relação... Comedor romântico .. Onde já se viu?? A graça é exatamente o contrário comer nossas esposas sem respeitar o corno... Gosto quando são mandões e sem frescura pra dizer como quer comer... Tem que tratar nossas esposas como puta barata de verdade... Comer sem dó... Humilhar o corno e o casal... Esse é o tempero de um relacionamento cucklod...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade mesmo,sei que nem todos os casos são iguais,mas a humilhação é fundamental para manter o tempero deste tipo de relação.

      Excluir
    2. "Corno Romeu"!!! Fantástica descrição.
      É exatamente isso. Não conseguiria uma palavra melhor pra explicar. "Corno Romeu" kkkkk!
      Muito boa essa!

      Excluir
    3. Realmente para tratar nossas esposas como nós esposos tratamos não precisa de macho alfa!A fantasia a principio,na minha visão a que sua esposa ,namorada , seja uma puta não mão de outro esse é fetiche!Por isso a humilhação é tão exitante!Quando vc sede sua esposa para outro vc já esta demonstrando sua incapacidade de satisfaze-la , eu penso assim

      Excluir
  29. Nos nao gostamos de nenhum tipo de humilhação, praticamos o menahg masculino e ela ha 3 anos sai sozinha, gostamos de sigilo e respeito, nos sentimos diferentes pq temos pavor de qq tipo de humilhação e exposição.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Respeitamos muito. Entendemos que em todo o fetiche existem variações, níveis de profundidade. Cada pessoa tem seus limites.

      Excluir
  30. ‭‭sou comedor sp zl . 23 anos . 170 alt . 70kg . Moreno claro . Algum Casal enteressado entrar em contato somente WhatsApp . ‭‭(11) 95443-7710‬‬

    ResponderExcluir
  31. “Nossa mulher”, é assim que um comedor se refere a ela...
    Fico puto, mas o pau lateja.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá CORNOS, PUTAS CHIFRADEIRAS E COMEDORES DE PLANTÃO,

      Visitem também este blog:

      https://koisasdekorno.blogspot.com.br

      Bons chifres a todos

      Excluir
  32. Bem no meu caso, entramos nesse meio justamente por ter encontrado um comedor mais bruto e que não respeitava mesmo. Antes disso eu e minha esposa tínhamos vontade de fazer mas sempre com aquela frescura de soft swing, e quando interagiamos com casais ou singles sempre eu ficava ali controlando e quando eu falava pra parar ou dizia "não" sempre os caras paravam e ficavam ali submissos a mim. Até que um dia conhecemos na saída de um clube um rapaz, moreno, forte, pinta de macho de verdade e atitude também de comedor que não respeita corno. Aí ele já chegou abordando a minha mulher de forma mais brusca, eu fui interferir e ele falou de forma bem rude e firme comigo "calma porra, quero trocar uma ideia com ela".. eu na hora senti o domínio do macho da situação, mas tentei intervir de novo e ele cagou pra mim e já chamou ela pra ir no bar do lado tomar uma cerveja. Eu fui atrás que nem um otario todo humilhado, mas estava gostando se ele não agisse assim eu tinha cortado logo, pq não procurava macho passivo e que respeita corno. Sentamos numa mesa e pedimos bebida, ele elogiava muito minha esposa passava a mão, e me ignorava por completo. Depois de algumas bebidas ele simplesmente levanta da mesa puxa minha esposa com ele e fala pra mim "paga a conta seu corno, vamos esperar lá fora" minha esposa olhou meio desconfiada pra mim e eu só fiz concordar com a cabeça, paguei a conta e fui lá com eles lá fora. Cheguei lá eles já estavam nos amassos, o macho falou que conhecia um motel ali perto e disse que queria ir lá, entramos no nosso carro e eu dirigi até lá, nisso ele já estava metendo o dedo na minha esposa e fazendo ela chupá o pau dele dentro do carro enquanto eu dirigia, eu fiquei sem reação, totalmente dominado, meu pau latejava de tesão. Chegamos no motel, estacionei o carro na garagem e quando fomos entrar no quarto o macho se vira pra mim e diz que vou ter que ficar na garagem que ele não quer que eu entre, porque corno pra ele é um merda. Minha esposa nessa hora tentou intervir e o macho dominante disse "cala a boca, que quem manda aqui sou eu". Eu fiquei lá na garagem escutando os gemidos da minha mulher e como o cara metia forte, me masturbei a noite toda imaginando... fiquei 8 horas lá fora sem comer e sem beber nada e eles lá dentro fudendo, tomaram banho e comeram. No final o macho sai com a minha esposa(a fisionomia dela era outra, nesse dia ela virou liberal graças ao machão e eu descobrir como ser corno e humilhado era bom) paguei o motel e levei o machão em casa, antes de deixar ele eu disse "obrigado macho" e ele respondeu, "viu só como se faz um corno de verdade". Hoje em dia ele é amante fixo da minha mulher, pago todas as despesas dos encontros e pago a faculdade dele e sempre que ele quer e eu tenho dou dinheiro pra ele. Estou há 6 anos no mundo liberal e depois que conheci um.macho de verdade tudo mudou, odeio mesmo esses comedores frango que respeita os limites do corno, esses aí não tem vez comigo, mas é muito difícil achar macho assim, os que a gente conhece assim são todos amigos do nosso macho alfa maior, por isso paramos de frequentar clubes e afins, lá só tem comedor bunda mole e respeitador demais, não curto isso. Claro é o meu fetiche, mas sei que muitos também são assim, pra mim não faz sentido um comedor que dar ouvidos ao corno, eu já faço isso pq gosto de ver minha esposa com macho bruto, não tenho interesse em homem gentil e respeitador, isso ela tem em casa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que delícia de relato. Já tinha me esquecido como aprendo e saboreio os comentários aqui postados.
      Sempre falo que o que mais enriquece esse blog são os comentários. Não é pra menos, né? Muito bom.

      Excluir
    2. Qualquer single que se porte dessa forma, ainda mais fora do quarto (lá dentro, toda brincadeira pode acontecer) está pronto para terminar a noite sozinho, batendo punheta.
      Estou até vendo minha reação:
      - Pague a conta, seu corno, vamos esperar lá fora.
      - Vou dividir a conta com ele. Prefiro que você não me espere.

      Ou ainda, na garagem do motel:

      - Prefiro que você não entre (single para marido).
      - E eu prefiro que você não entre (eu para single).

      Longe de mim querer organizar as fantasias de outrem, porém!

      E viva a diversidade!


      Excluir
    3. Olá CORNOS, PUTAS CHIFRADEIRAS E COMEDORES DE PLANTÃO,

      Visitem também este blog:

      https://koisasdekorno.blogspot.com.br

      Bons chifres a todos

      Excluir
  33. Legal !Acho que todos nós preferimos um sujeito assim, dominador!Eu curto muito!

    ResponderExcluir
  34. Olá CORNOS, PUTAS CHIFRADEIRAS E COMEDORES DE PLANTÃO,

    Visitem também este blog:

    https://koisasdekorno.blogspot.com.br

    Bons chifres a todos

    ResponderExcluir
  35. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  36. MOTORISTA noiva quer , o rapaz ainda olhou nos meu olhos e falou toma conta da minha noiva por favor pos ela não sabe onde fica,eu falei fica tranquilo que aqui na vam ela ta segura a moça subiu e eu segui viagem mas não tinha reparado muito na beleza da quela morena, quando eu olhei pro lado e vi aquela moreninha carioca com marquinha de praia os peitos grandes e durinho boca carnuda e aliança no dedo direito meu pau ficou que nem uma pedra na hora meu coração começou a bater mais forte não me contive e quando eu parei em um sinal vermelho cheguei perto do ouvido da quela morena pros passageiros não ouvirem e falei (boa noite eu posso te confessar uma coisa) ela repondeu sim, ai eu não aguentei e falei vc é muito deliciosa estou encantado com vc com todo respeito chego ta arrepiado só de te olhar... a menina ficou vermelha muito timida e falou garoto eu sou comprometida para com isso eu amo meu noivo ai eu falei desculpa mais não, nessa conversa não fui muito bem sucedido pedi seu telefone e ela sorrindo com aquela carinha de safada me disse não disse que amava seu noivo. chegou o ponto que ela queria ficar e ela desceu, bom vida que segue não foi dessa vez. Eu trabalho com tranporte alternativo faço o mesmo caminho todo o dia, no outro dia mas ou menos no mesmo horario no mesmo ponto de onibus quem da sinal pra mim.....rs o mesmo casal quando eu parei a vam
    o noivo dela falou olha amor o mesmo de ontem que coicidencia, ela subiu no banco da frente e eu segui viagem assim que tive oportunidade deu um sorrinsinho maudoso e falei vc dinovo tentação acho que é o destino ter vc pra min ela sorriu com o rosto todo vermelho e me falou para com isso ja foi uma luta pra mim resistir a vc ontem ai vem vc hoje di novo suspirou meu deus me ajude.... quando ouvi oque ela falou o pau ficou que nem concreto e falei hoje vc não me escapa cheguei bem perto dela e dei um beijo de cinema e ela correspondeu nisso os passageiros fofoqueiros do banco de tras começarão a rir e fazer comentarios caraca o piloto é mal o namorado acabou de colocar a mina na condução e o motorista ja ta pegando com isso dei uma segurada nos animos pois a a garota ficou meia envergonhada aos poucos os passageiros foi descendo quando chegou no ponto dela eu passei direto ela olhou pra min e disse vc ta me levando pra onde, eu disse vamos no ponto final comigo que eu quero me aproveitar de vc bom a vam esvaziou quando cheguei no ponto final escostei o carro em um lugar meio afastado e ela ja veio pra cima de min me beijando e descendo devagarinho até chegar no meu pau tirou ele pra fora e começou a chupar com aquela carinha de safada aquela boquinha carnuda com aparelho nos dentes sorria pra mim e chupava minha rola como se meu pau fosse um picolé ficou quase uma hora chupando eu falei quero fuder vc ela me disse que ali não que teria que ser em um motel eu falei que ia ser só um pouquinho ela tirou sua calça dins que estava e tirou a caucinha pro lado e na hora que meu pau ia entrar ela me perguntou tem camisinha e eu não tinha e nem ela ai eu falei que eu faço exame de sangue praticamente de dois em dois meses pos sou doador de sangue no hemorio e e isso e verdade mesmo e com o tesão que eu tava só queria saber de meter a rola naquela delicia e falei eu não tenho doença vc tem ela disse não e irresponssavelmente enfiei a pica na quela putinha gostosa com 10 minutos eu não agentei e gozei literalmente aquela gozada de 1 litro dentro da bucetinha apertada da quela morena que aparentava te de 20 a 25 anos ela olhou pra min e disse e,ela deu risada e falou pra min seu sem graça e disse que ia tomar a a tal pirula do dia seguinte ainda isso é uma das minhas historia no meu trabalho de motorista no domingo marcamos de ir para um motel passar a tarde juntos.... Meu nome é Diego sou cumedor moro na tijuca,se vc quer ver sua esposa ser fudida por uma pica bem dura e grossa é só entrar no meu zap e me chamar 98120 8209

    ResponderExcluir
  37. Eu li o blog quase como se fosse um manual pra entender este universo.Eu sempre me percebi muito diferente da maioria das mulheres, meu ex marido reclamava que eu gostava mais de sexo do que ele e sempre dizia que eu era um homem de saia. Mesmo assim como manda a sociedade fui fiel por longos 12 anos. Quando pedi o divórcio nem esperei assinatura dos papéis pra sair fodendo gostoso por aí, melhor coisa do mundo a tal liberdade de sexo. Eu apenas sentia a falta de um amor, mas como conciliar tanto desejo com amor? Não queria apenas um. Eu comecei a buscar na internet caras pra transar e estava uma delícia, pois não faziam parte do meio e ninguém saberia que estava dando pra meio mundo. Até que dei de cara com um anúncio de um homem cuckold. Eu já contei que sou absolutamente louca por homem inteligente, estudioso, que tem um bom português e que desponta em sua carreira? É quase como um fetiche ou é, sei lá. Continua...

    ResponderExcluir
  38. Dizem que isso tem nome, mas cara inteligente me faz parar pra escutar. Sou elétrica, mas eles me fazem parar e ficar ouvindo ou lendo por horas. Pois bem, o tal cuckold era absolutamente encantador, inteligente, português excelente e ainda tinha o estilo de vida cuckold...meu coração seria dele mas ele poderia me compartilhar a nosso bel prazer. Putz, só de pensar uauuuu que delícia. Eu parei, respirei e pensei: nunca pensei em ser assim hotwife, dama de espadas, ou sei lá o que masssss eu me sinto uma. A cabeça pirou e quanto a gente mais conversava, mas eu percebia que tinha tudo a ver com este mundo. Comecei a ler este blog e interpretar tudo, creio que erroneamente. Ele deveria ser submisso. Será? No dia seguinte ao termos começado a conversa eu tinha um encontro marcado, mas já cheia de tesão fotografei e enviei. Ele ficou doido. A partir daí começou a me tratar por Amor.Putz, tudo me deu tanto tesão que no dia seguinte me senti livre e comecei a marcar um cara pra cada dia, gente eu adoroooo transar e isto me deu asas. Delícia este tipo de vôo onde vc tem um parceiro que te incentiva. Lógico que não sou irresponsável, tomava cuidado ao escolher e não dava na pinta pois tenho uma imagem social.Houve um dia que foi um de manhã e outro de tarde. O tal cuckold era negro, aí que gostei. Eu sempre quis um negro, mas nunca casou de coincidir. Uma amiga disse que tenho cara demais de patricinha. Será isso mesmo? Pq quem me conhece sabe que sou mttttt alegre e me dou bem com td mundo. Continua...

    ResponderExcluir
  39. Mas voltando ao negro...pirei. Eu quero!!!!Comecei transar e enviar fotos, e ele pirava e me queria mas eu moro na capital de sp e ele no interior. Não dava pra ser logo, enquanto isto ele pedia pra ser castigado e eu transava pra castigar ele...pra mim diversão garantida. No sexto dia dei de pressionar pra ele vir no sexto dia pq tinha feriado. Ele se esquivava e dizia que tinha os compromissos. Eu dizia: se quer ser meu terá que vir, tudo porque li que eles são submissos masssssssss eu deveria ter interpretado direito pq cada um é submisso a sua maneira. Ele é submisso, não cachorrinho de madame.No oitavo dia eu fiquei chateada e mandei um bye como uma criança mimada. Ele de saco cheio disse:não confunda as coisas achando que pode decidir quando eu fico e quando eu vou. E eu o dispensei. Sim, sou uma adulta criança e mimada. Fiz burrada de cabeça quente. Onde foi parar toda a minha maturidade? Eu fui a um encontro que já estava agendado finalmente com um negão, puxa minha primeira vez com um finalmente. E foi ótimo? Uma merda! Eu não parava de pensar! EU NUNCA FIZ ISSO E ACHEI QUE EU PODERIA FALAR E EXIGIR O QUE QUISESSE. Pra quem está entrando neste mundo: CUIDADO. Vá tateando, vc não sabe nada. No fim eu fiz o que era esperado: o meu coração esteve com ele, apenas o corpo foi dos outros. Infelizmente não chegamos a nos conhecer pessoalmente. Eu fiquei na vontade, agora é dar tempo ao tempo pq após o divórcio não me apeguei a ninguém e agora ele entrou e fez uma bagunça maravilhosa. Sobre o estilo de vida cuckold, acho que não tem volta pq descobri o que tentei encobri SOU HOTWIFE,MAS TENHO MUITO QUE APRENDER PARA SER UMA DAMA DE ESPADAS. madurabela76@yahoo.com

    ResponderExcluir
  40. PROCURO CASAL .ou MULHER liberada pelo marido Onde o.marido adora vê lá com outro .sou um discreto.muito sigiloso .HIGIÊNICO e experiente com casais .Tenho 49 anos .BRANCO boa aparência. Simpático. 1.87 alt com dote grande e grosso .DAREI TOTAL descrições para quem interessar. Moro znorte de São Paulo. Meu zapp 11 997737906 CARLOS

    ResponderExcluir

Fique a vontade para deixar seu comentário :